Por: Thaline Pagotto

A FORÇA DO MARKETING NO AGRONEGÓCIO

O uso do serviço de marketing já é uma realidade em todos os segmentos de mercado, por que não também trabalhar no meio AGRO? 


     O Agronegócio é visto como um carro-chefe para a economia do país e sem dúvidas é a principal força da nossa região. 
     De anos anteriores pra cá, o crescimento econômico do país devido ao AGRONEGÓCIO foi grande, de acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em 2017 a agropecuária foi o melhor setor de desenvolvimento econômico do país, com uma alta de 13%; nos anos seguintes o crescimento continuou e em 2019 o agronegócio representou 21% de todo o Produto Interno Bruto (PIB) do país, os dados são da Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Visto a importância e o impacto desse setor para com a nossa realidade, é hora de inserir o trabalho de marketing nesse meio. 
     Philip Kotler, em 1967, definiu marketing sendo: “Um processo social e gerencial pelo qual indivíduos ou grupos obtêm o que necessitam e desejam através da criação, oferta e troca de produtos de valor com outros.” 
     Diante disso podemos dizer que o marketing é funcional tanto para a empresa quanto para o cliente, pois após um estudo e uma segmentação, fica mais fácil oferecer ao cliente necessitado um produto/serviço de qualidade e sanar a demanda daquele momento, além de desenvolver estratégias para identificar fraquezas nos métodos de trabalho do cliente e ajustá-las a fim de melhorar o rendimento da empresa. 
     O marketing digital sem dúvidas é uma das principais ferramentas de trabalho comunicacional atualmente, mas não se deve esquecer dos métodos mais antigos. Podemos usar como exemplo o trabalho realizado com revistas, folhetos, boletins, outdoors e outras ferramentas muito eficazes na hora de divulgar e INFORMAR.
     Trabalhar com MARKETING no AGRONEGÓCIO é um serviço de grandes oportunidades, porém de grandes desafios. A agricultura familiar, por exemplo, ocasiona uma grande extensão de público que precisamos lidar, variando de pessoas mais velhas, que preferem receber a informação da forma tradicional, até seus sucessores (por exemplo: filhos e netos que se formaram em agronomia e estão dando continuidade ao trabalho da família no campo), que já se adaptam mais ao marketing digital. 
     É muito importante que a informação e o serviço de qualidade cheguem a todos de forma singular, por isso se deve usar todas as ferramentas possíveis na hora de divulgar o seu cliente. Usar as redes sociais, que são uma grande aliada, mas também investir em calendários, revistas, agendas, outdoors em rodovias (trajeto entre o urbano e o rural) ... tudo a fim de atingir o máximo de pessoas possível. 
     O MARKETING no AGRONEGÓCIO trará para a sua empresa diversos pontos que farão a diferença na hora de consolidar sua marca no mercado e fazer com que o público a lembre na hora da decisão de compra, alguns desses pontos são: 

MELHOR RELACIONAMENTO COM O CLIENTE 
     Manter uma boa comunicação com seu cliente trará para sua empresa uma das coisas mais importantes: a FIDELIZAÇÃO. 
     Por isso é essencial não se preocupar apenas em vender, mas trabalhar sempre mostrando as vantagens da sua empresa em relação às outras e nunca se esquecer do PÓS-VENDA, para fazer com que esse cliente volte a procurar seu produto/serviço quando houver demanda, além de indicar a sua empresa para outras pessoas. 

INTERAÇÃO COM O PÚBLICO-ALVO 
     Uma empresa que não investe em divulgação tem maior dificuldade de ser conhecida, consequentemente, maior dificuldade em ser lembrada na hora da decisão de compra. 

AUMENTO DE VENDAS 
     Um empresário visa um bom retorno lucrativo, correto?! Quanto mais sua empresa for conhecida, maior será o número de vendas, consequentemente o lucro. 
     O marketing bem feito é sempre um investimento que te trará bons frutos no futuro. 

     Esse é o MARKETING no AGRONEGÓCIO, uma ferramenta extremamente eficaz para melhorar o funcionamento e rendimento da sua empresa AGRO!